Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado de Geração Distribuída

6 de fevereiro de 2024
Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado

A energia solar por assinatura tem se destacado como uma tendência promissora no mercado de geração distribuída. Com um cenário de crescimento acelerado, estudos apontam que esse modelo de negócio movimentará aproximadamente R$ 10 bilhões em investimentos até 2025. Essa modalidade de contratação de energia renovável tem conquistado cada vez mais espaço, principalmente entre varejistas, representando 43% do mercado. Quer saber como a Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado? Leia até o final.

O Crescimento da Energia Solar por Assinatura

Um levantamento realizado pela consultoria Greener revela que o Brasil acumulou 4,2 GW de usinas fotovoltaicas em operação e em construção para geração distribuída remota até setembro de 2023. Esse número representa um significativo aumento em relação aos 2,3 GW registrados em 2022. Projeções otimistas indicam que o mercado de energia solar por assinatura deve superar a marca de 3 GW em instalações anuais até 2025.

Esse crescimento impulsionará investimentos que ultrapassarão a marca de R$ 10 bilhões nos próximos dois anos. A modalidade de assinatura de energia solar é especialmente popular entre varejistas, com destaque para setores como farmácias e supermercados, que representam 43% do mercado. Além disso, a adesão de consumidores residenciais também tem se mostrado uma tendência crescente, representando 16% do total, um aumento considerável em relação aos 7% registrados em 2022.

Benefícios da Energia Solar por Assinatura

A energia solar por assinatura traz diversos benefícios tanto para os consumidores quanto para o meio ambiente. Ao optar por esse modelo, os consumidores não precisam investir na instalação de equipamentos solares em suas propriedades, tornando a energia solar mais acessível e viável para um maior número de pessoas. Além disso, ao aderir a um serviço de assinatura, os consumidores obtêm descontos na sua fatura de energia, além da garantia de estar utilizando uma fonte de energia limpa e renovável.

Outra vantagem da energia solar por assinatura é a possibilidade de compartilhamento da geração de energia entre diferentes consumidores. Esse modelo, conhecido como geração compartilhada, permite que várias pessoas se beneficiem da energia gerada por uma mesma usina solar. Essa forma de compartilhamento contribui para a redução dos custos de energia e para a descentralização da geração, tornando o sistema mais resiliente e sustentável.

Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado

O Mercado

O mercado de energia solar por assinatura tem apresentado um crescimento expressivo nos últimos anos. A adesão de varejistas a esse modelo de negócio tem impulsionado o setor, representando 43% do mercado. Farmácias e supermercados têm se destacado como os principais segmentos de contratação dessa modalidade de energia, aproveitando os benefícios tanto financeiros quanto sustentáveis.

Além do setor varejista, o setor de serviços também tem contribuído significativamente para o crescimento do mercado de energia solar por assinatura. Bancos, comercializadoras e gestoras de geração distribuída representam 35% desse mercado, atuando como canais para o atendimento de consumidores interessados nessa forma de contratação de energia. Essa diversificação de setores demonstra a ampla aceitação e demanda por energia solar por assinatura.

Tendências e Desafios da Energia Solar por Assinatura

A tendência de expansão da energia solar por assinatura indica um aumento na participação de consumidores residenciais nesse modelo de geração compartilhada. Essa mudança de perfil mostra a crescente conscientização e interesse dos consumidores em adotar fontes de energia limpa e renovável. No entanto, a viabilidade da geração compartilhada dependerá das novas regras que serão definidas após 2029/2031.

Apesar do otimismo em relação ao crescimento do mercado de energia solar por assinatura, alguns desafios ainda precisam ser superados. A conexão à rede elétrica e a captação de recursos para investimentos são dois dos principais obstáculos enfrentados na viabilização e implementação de novos projetos. No entanto, a redução de preços de equipamentos, a queda na taxa de juros e questões tributárias podem contribuir para tornar o modelo de negócio mais atrativo e viável.

Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado

Conclusão

Desse modo, a energia solar por assinatura está impulsionando o mercado de geração distribuída, com perspectivas de movimentar R$ 10 bilhões em investimentos até 2025. Esse modelo de contratação de energia renovável tem conquistado varejistas e consumidores residenciais, oferecendo benefícios financeiros e sustentáveis. Com um cenário de crescimento acelerado, o Brasil se destaca como um promissor mercado para a energia solar por assinatura, contribuindo para a transição energética e a redução das emissões de gases de efeito estufa.

Assim, a expansão desse mercado traz consigo desafios que precisam ser superados, como a conexão à rede e a captação de recursos. No entanto, com a criação de novas regras e incentivos, a energia solar por assinatura tem o potencial de se tornar uma opção cada vez mais acessível e atrativa para consumidores e empresas.

Portanto, a Energia Solar por Assinatura Impulsiona Mercado e contribui para a construção de um futuro mais sustentável e resiliente, impulsionando a transição para uma matriz energética limpa e renovável.